O balão caseiro que chegou ao espaço

Numa experiência totalmente “caseira”, um grupo de americanos resolveu lançar uma câmara HD para o espaço, presa a um balão meteorológico. A ideia era manda-lo para a estratosfera e registar toda aquela escuridão acima da Terra. O experimento, baptizado de “Brooklyn Space Program” foi feito em ambiente “família” – os filhos dos “cientistas” participam activamente.

Junto com o balão e a câmara eles mandaram um I-Phone, que enviaria as coordenadas de sua localização por GPS – para que a câmara pudesse ser resgatada, claro.

O pessoal do Brooklyn Space Program sabia que, em pouco tempo, o balão perderia sustentação pela pressão atmosférica, se esvaziaria e cairia. Daí a ideia de segura-lo a um mini paraquedas. A “viagem até o espaço” durou pouco menos de duas horas e o balão enfrentou ventos de 160km/h e temperatura de 60 graus negativos.
Surpreendentemente, o balão caiu a apenas 45 quilómetros ao norte do local de onde foi lançado – havia o temor de que caísse bem mais longe. O vento foi determinante para isso.
As legendas do vídeo estão em inglês, mas mesmo quem não está familiarizado com idioma de Shakespeare pode se deliciar com essa experiência sensacional.

A bateria da câmara quase chegou até o fim – ela acabou apenas dois minutos antes do pouso. Mas graças às coordenadas de GPS enviadas pelo I-Phone, o balão pôde ser encontrado no topo de uma árvore, praticamente intacto.

Para mais informações, acessa ao site do Brooklyn Space Program.

Fonte: feedcreu

1 Comment

  1. JOAOPEDROAK

    E pode fazer isso?Para mi que ia preso que fisese algo assim.

    Reply

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>