Real Madrid volta a ser roubado nas meias-finais da Champions

Seis pares de botas de jogadores do Real Madrid foram, esta terça-feira, roubados do balneário visitante do Allianz Arena, antes da derrota dos merengues com o Bayern, na 1.ª mão da meia-final da Liga dos Campeões.

Quando faltavam alguns minutos para o início da partida frente ao Bayern Munique, os jogadores merengues deram pela falta de seis pares de botas, três dos quais pertenciam a Cristiano Ronaldo. Os outros prejudicados foram Benzema e Özil, sendo que os ladrões levaram ainda vários equipamentos.

O Bayern Munique não apresentou qualquer explicação para o sucedido, apesar de a zona dos balneários estar vigiada por câmaras de segurança. Entretanto, o Real Madrid apresentou uma queixa à UEFA.

O treinador José Mourinho defendeu que é uma «vergonha» ter sido possível roubar as botas de Cristiano Ronaldo nos balneários do estádio do Bayern.

«O roubo das botas de Cristiano Ronaldo é uma vergonha. É impossível que algo assim aconteça no Santiago Bernabéu», afirmou Mourinho, em declarações à SKY Sports Itália.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>